Archive for outubro \26\UTC 2009

Americano é preso ao ser flagrado nu e em ato sexual em janela de jovem

26 outubro, 2009

O norte-americano Charles Kazmir, de 22 anos, foi preso na cidade de Brusly, no estado da Louisiana (EUA), ao ser flagrado pelas câmeras de segurança nu e se masturbando próximo à janela do quarto de uma jovem, segundo a emissora de TV “WAFB”.

Fotos da camera de Vigilancia!

Fotos da camera de Vigilancia!

De acordo com a polícia de Brusly, Kazmir foi identificado depois que a família da jovem assistiu ao vídeo de vigilância (assista aqui) e viu o rapaz sem calças ao lado da janela do quarto da filha.

A família havia instalado câmeras de segurança depois de encontrar alguns tijolos fora de seu lugar original. “Fiquei totalmente chocada”, disse Regina Donald. “Isso é algo que eu não esperaria em Brusly”, acrescentou a mãe da jovem.

Segundo a chefe do Departamento de Polícia Brusly, Jamie Whaley, Charles Kazmir admitiu que tinha observado a jovem pela janela em sete ocasiões. Ele foi acusado de invasão, obscenidade, voyeurismo e outros crimes.

Anúncios

Japonês é preso por ligar mais de 12 mil vezes para números de emergência

23 outubro, 2009

O japonês Hisao Sumitani, de 61 anos, foi preso na última terça-feira acusado de ligar mais de 12 mil vezes para 110 números de emergência, segundo reportagem do jornal “Japan Today”.

Sumitani, que mora em Otsu, admitiu que era gay as acusações. De acordo com a polícia, Sumitani ligou para os números de emergência da Prefeitura de Shiga 12.300 vezes.
Os investigadores destacaram que Sumitani gritava ao telefone com os operadores. Ele também teria ligado para o Departamento de Bombeiros de Otsu 1.390 vezes.

As autoridades foram até a casa de Sumitani quatro vezes e pediram para ele parar de ligar, mas ele amou os policiais se recusou a cumprir a ordem.

iluminismo Poético

22 outubro, 2009

Na poesia o livre arbitrio da utopia

que causa alucinação nas palavras curtas
trazendo uma doce simpatia
aos poetas que ainda choram entre lutas.

a vasta iluminação dos pensamentos filosoficos
que faz chorar as brancas cartas de amor
com palavras fria,poemas melancolicos
cheio de lágrimas conposto pela dor.

quando na noite de chuva eu rimava pra você
os brilhos das estrelas,iluminava meu pensamento
quando triste queria te ver
lembrando de cada lindo momento.

e na noite poética acabava chorando
rasgando tudo escrito
olhando pela janela gritando
porque estava seu grito.

depois de muito tempo não quero mas escrever
nas palavras me tornei imortal
talvez fosse legal não mas tiver
pra norma cuta minhas poesia não tem algo natural.

meu útimo adeus com palavras de amor
pra você doce pensamentos que nunca me abandonou
agora na despedia lágrimas de dor
dedico também a você que por mim chorou.

Por: Clécio John

Gostou? quer mais? acesse:

Para acessar Clique na imagem

Para acessar Clique na imagem

Condenado à morte não é executado porque não conseguem achar sua veia

18 outubro, 2009

Um Extra-terreste pessoa condenada à morte passou duas horas na sala de execução em Ohio (norte) na terça-feira porque a equipe de execução não conseguia encontrar uma veia para aplicar a injeção mortal, indicaram nesta quarta-feira autoridades penitenciárias.

após saber que seu último apelo havia sido rejeitado, Romell Broom, um negro de 53 anos, condenado à morte por sequestro, estupro e assassinato de um adolescente em 1984, atravessou a porta de sua cela rumo à sala de execução.

“Sob os olhares de quatro jornalistas e de três membros da família da vítima, a equipe de execução começou a preparar o acusado tentando encontrar a veia ideal para aplicar a injeção letal”, explicou à AFP Julie Walburn, porta-voz das autoridades de Ohio.

“Eles encontraram várias vezes alguns pontos, mas quando uma solução salina foi liberada para testá-los, elas se tornavam inutilizáveis”, continuou, acrescentando que a equipe havia procurado veias nos dois braços e em ao menos uma perna.

o governador do Estado ordenou um prazo de sete dias e Broom foi levado de volta à sua cela, acrescentou a porta-voz.

Ela disse ainda que o acusado foi “muito cooperativo e respeitoso da equipe de execução. Ele tentou ajudá-la a encontrar uma veia”.

A aplicação de injeções letais de Ohio já foi alvo de críticas várias vezes. Desde 2006, dois detidos tiveram de esperar mais de uma hora para que a equipe encontrasse uma veia para injetar os três produtos que levam à morte.
Mas, segundo especialistas, até agora somente um preso havia voltado vivo à sua cela nos EUA.

americana é presa por cultivar pé de maconha na sala

17 outubro, 2009

pós uma denúncia da própria filha, a norte-americana Tina Consolo, de 40 anos, foi presa nesta semana em Rochester Hills, no estado de Michigan (EUA), por cultivar um pé de maconha em sua casa, segundo reportagem da emissora de TV “ABC 7”.

A jovem de 19 anos ligou para o serviço de emergência da polícia e informou que sua mãe estava cultivando a droga em casa. Ao chegar à residência de Tina, os agentes encontraram um pé de maconha de quase dois metros de altura na sala de estar.

A mulher alegou que estava cultivando a maconha para fins medicinais, para aliviar dores nas costas.

No entanto, ao vasculhar a casa, os policiais encontraram maconha seca no porão, uma balança, material para embalagem e cachimbos. Além disso, havia duas pistolas e um revólver no local.

A vida (virtual) após a morte

16 outubro, 2009
Ilustração

Ilustração

Um dia, você, eu e todo mundo ficaremos offline para sempre. Descubra o destino dos nossos perfis e e-mails

Gmail
Se alguém da sua família precisar acessar sua conta, o serviço de e-mail do Google exige que a família envie, por fax ou correio, informações do morto, uma cópia da certidão de óbito e alguns documentos pessoais. Em 30 dias, eles devolvem a senha

Hotmail
A Microsoft oferece as informações da conta de e-mail ao responsável legal pelos bens do falecido. É preciso enviar por fax documentos para os EUA. Qualquer conta inativa por 120 dias é cancelada

Yahoo!
É a empresa que mais faz a vida das famílias difícil numa hora difícil. O Yahoo! só permite que os parentes acessem o conteúdo do e-mail por meio de um processo judicial. E se a autorização do juiz demorar mais de 90 dias, tarde demais: a conta estará desativada

Orkut e Flickr
Nas redes sociais, você pode ter vida eterna: os dois serviços não desativam contas por desuso. Mas se for o desejo da família, ela pode contatar o servidor e pedir a remoção

Facebook
A empresa criou uma nova modalidade, o “memorial”. Quando a família avisa o falecimento ao site, a conta passa a ser restrita por um mês. Somente os “amigos” podem acessar o conteúdo. Depois desse período, o perfil é retirado da rede pela empresa

Twitter
É a única rede social que desativa o perfil de usuário que não usa o serviço por mais de seis meses

DICA!
Se não quiser problemas, a advogada especializada em direito eletrônico, Eliane Barreirinhas, recomenda uma nota no testamento. “Delegue. Deixe as senhas de internet aos cuidados de alguém.” Mas a garantia não é total. “Se a vontade do morto ferir o direito do vivo – no caso de a família precisar comprovar bens por meio do e-mail -, um juiz pode quebrar o sigilo da conta”

Finalmente o Office criou vergonha

16 outubro, 2009
Office 2007

Office 2007

A Microsoft liberou um pacote de atualização que permite que seu Office 2007 trabalhe com as novas regras da reforma ortográfica da Língua Portuguesa. Com isso, os usuários brasileiros já podem utilizar o corretor ortográfico do Word 2007, Excel, PowerPoint e Outlook sem receio de errar as novas regras.

Baixe a atualização gratuita do corretor ortográfico do Office

Em janeiro, início do período de transição da reforma ortográfica nos países de língua portuguesa, a Microsoft afirmou que estava adequando o pacote Office às mudanças. “Ainda não há data definida para a atualização estar disponível ao consumidor final, mas o compromisso da empresa é oferecer a atualização no corretor ortográfico, de forma gratuita, dentro do prazo estabelecido pelo governo, que termina em 2012”, afirmou na época o gerente de produtividade e colaboração no Brasil, Eduardo Campos.

Menino é Gay desde os 8 Anus

16 outubro, 2009
Josie

Josie

Josie Romero é uma menina de oito anos. Josie já foi Joey, um gay um menino. A história sobre a mudança de sexo e de como isso foi enfrentado pela família da criança, nos Estados Unidos (é logico), é tema de um documentário que será transmitido na semana que vem no canal Channel 4, na Inglaterra. Os relatos também estão nos sites dos jornais britânicos (Telegraph, Daily Mail, The Sun) nesta quinta-feira (15) e foram contados no documentário “Sex, lies, and gender”, no canal National Geographic, em setembro.

A mãe de Josie, Venessia, diz que, desde que a filha começou a falar, sempre afirmava: “Eu sou uma menina”. Os pais a corrigiam: “Não, você é um menino”. Josie, à época Joey, insistia em tentar transformar seus brinquedos de garotos em brinquedos de menina. A mãe afirma que a brincadeira preferida da filha era enrolar seus cachecóis na cintura e fingir que eram saias.

A família viveu até o ano passado no Japão. O pai de Josie, Joseph Romero, é engenheiro das Forças Armadas americanas. Quando Josie tinha quatro anos, os Romeros adotaram uma menina chinesa de dois. Os pais temeram que a filha mais velha ficasse com ciúmes, mas dizem que ela gostou muito da chegada de Jade. As duas brincavam como duas garotas.
Venessa afirma que, no início, achava que tinha um filho homossexual. Porém, depois se deu conta que era uma criança transexual. Ela conta que começou a comprar roupas de menino e de menina e deixar o guarda-roupa dividido com as duas opções. Josie sempre optava pelas vestimentas femininas.

Na base militar em que a família morava e as crianças iam à escola, Joseph diz

Josie (ao centro) e sua irmã adotiva, Jade, dois anos mais nova

Josie (ao centro) e sua irmã adotiva, Jade, dois anos mais nova

que o preconceito era grande. Ele mesmo afirma que foi difícil aceitar que seu filho era uma menina. Segundo Joseph, o primeiro sentimento que teve foi de que havia perdido seu filho. Depois, percebeu havia ganhado um traveco uma filha.

Feliz Dias dos Professores!!!

15 outubro, 2009

Professora é presa por roubar dinheiro do almoço dos alunos

Fessora Ladrona (Angela Strube)

Fessora Ladrona (Angela Strube)

A professora norte-americana Angela Strube, de 30 anos, foi presa na semana passada em Murfreesboro, no estado do Tennessee (EUA), acusada de ter roubado o dinheiro do almoço de vários de seus alunos, segundo reportagem do jornal “Murfreesboro Post”.

De acordo com a polícia, Angela teria retirado, pelo menos, US$ 500 que estavam guardados dentro de envelopes e eram destinados à merenda escolar.

O caso começou a ser investigado em 14 de setembro quando o diretor Chade Fletcher notou que estava faltando dinheiro do almoço da escola e denunciou o caso para a polícia.

O porta-voz da polícia Kyle Evans disse que a professora admitiu que roubou o dinheiro da merenda escolar. Ela foi suspensa pela direção do estabelecimento de ensino, sem direito ao recebimento de salários.

Garoto de dois anos tem QI igual ao de Einstein

14 outubro, 2009

Um garoto de dois anos e cinco meses, morador de Reading, a 40km de Londres, obteve em um teste de QI (quociente de inteligência) uma pontuação equivalente à dos físicos Albert Einstein e Stephen Hawking.

Oscar Wrigley

Oscar Wrigley

Os testes de vocabulário e com números comprovaram que Oscar Wrigley faz parte dos 2% da população com QI mais alto.

Com isso, Wrigley se tornou o mais jovem garoto a fazer parte da Mensa, a sociedade que reúne pessoas com QI alto.

O membro mais jovem da Mensa é a garota Elise Tan Roberts, de Edmonton, no norte de Londres, aceita no início deste ano à idade de dois anos e quatro meses.

Joe Wrigley, o pai do garoto, disse à BBC que através da Mensa espera poder encontrar outros pais de crianças com QI alto que os “ajudem” com a criação do filho.

Por ora, ele afirmou, o menino – que é muito jovem para frequentar a escola – será educado em casa.

A mãe de Oscar, Hannah, disse que, no início, pensou que seu filho era apenas “uma criança muito inteligente”, mas que, aos 18 meses, o garoto já se sobressaía.

“Aos 18 meses eles devem conhecer por volta de 20 palavras. Nós começamos a fazer uma lista e paramos no número 600. Eram resmas e resmas de papel”, disse.